Transições

15-04-2021

A reforma pode representar para cada um de nós coisas muito diferentes.  Esperamos é que seja a etapa da vida em que, finalmente, encontramos um outro EU.

Estamos de pé no extremo de um novo horizonte, o caminho para um lugar onde nunca estivemos antes. O caminho que percorremos até agora, e que nem sempre foi fácil, só pode deixar-nos orgulhosos pela forma como conseguimos lá chegar, bem e tão longe.

O caminho à nossa frente, no entanto, não tem nada a ver com o caminho que percorremos até agora. Temos, seguramente, expectativas sobre o que vamos encontrar, por vezes mesmo estaremos preocupados.

Pela primeira vez vamos sentir um nível de liberdade que pode ser uma benção ou uma maldição. Mas uma liberdade, e um futuro, que cabe a cada um de nós desenhar, construir; é nossa responsabilidade pessoal, é nossa escolha. Ninguém pode fazê-lo por nós.

O que quero ser? O que quero fazer? O que quero da minha vida agora? São questões de difícil resposta.

Por isso construímos a Transições. Porque sabemos que o caminho é novo, deve ser preparado, e podemos aprender com quem o está a percorrer, ou já o iniciou há vários anos.

Acreditamos que, ao navegar neste site, poderão encontrar ideias, dicas, testemunhos que possam ajudar a fazer as curvas do caminho e sobretudo assegurar que vão gostar, desfrutar e aproveitar esta nova fase da vida.

Teresa Marques