Passeio Fotográfico a Alfama

26-03-2022

O típico bairro de Alfama é seguramente o bairro mais visitado da 'velha' Lisboa. Vai-se percorrer as suas ruas estreitas, onde nasceram e cresceram muitos dos intrépidos navegadores que partiram para os Descobrimentos Portugueses nos séculos XV e XVI, e conhecer alguns dos seus segredos. Perder-se nas ruas labirínticas do bairro, descobrindo prédios antigos, guetos, monumentos, e os já famosos 'Alfacinhas', habitantes nascidos e criados em Lisboa​. Durante o passeio tentaremos realçar alguns factos históricos dos locais por onde iremos passar.

● Responsável: Jorge Gonçalves Silva / Leonor Botto

Prestador/ Animador (apresentação biográfica e uma fotografia): Jorge Gonçalves Silva

Local realização: Lisboa-Alfama

Data realização: 26 de Março 2022

Duração: 3 horas - início às 9:30 no ponto de encontro debaixo do Arco da Rua Augusta

Número mínimo e máximo de participantes: Mínimo 4 - Máximo 12participantes

Preço por participante: 0€

Objectivo geral: Fazer uma caminhada pelas ruas de Alfama e tirar fotografias que documentem o passeio e satisfaça o gosto dos fotógrafos participantes.

Objectivo específico: Juntar o Grupo de Caminhadas com o Grupo de Fotografia.

Percurso: O ponto de encontro é debaixo do Arco da Rua Augusta. Segue parte do percurso do famoso elétrico 28, visitando monumentos históricos como a Sé de Lisboa, parar nos maravilhosos miradouros de Sta. Luzia e Portas do Sol, e mergulhar nas velhas ruas do bairro de Alfama.

Equipamento Fotográfico: Qualquer equipamento fotográfico serve para fazer boas fotografias.

Requisitos:

- Trazer sapatos confortáveis é essencial

- Trazer sempre baterias adicionais
- Trazer sempre cartões de memória adicionais
- Não sobrecarregar o saco de material. Viajar leve.

Observações:

Sendo uma zona de turismo, por vezes é difícil conseguir-se fotos 'limpas' de turistas. ​
O passeio fotográfico tem características diferentes das simples caminhadas porque, para o registo das fotos, há necessidade de fazer paragens frequentes para escolher os melhores enquadramentos o que não permite um ritmo constante de andamento.